[layerslider id="15"]

Visto eletrônico

Visto eletrônico
20 fev 2018

Cidadãos norte-americanos já podem solicitar visto eletrônico (e-visa) para ir ao Brasil para fins de turismo, negócios ou trânsito. Com esta iniciativa, o pedido de visto para o Brasil será mais fácil, mais barato e mais rápido. Trata-se de mais uma iniciativa do governo brasileiro de modernização dos serviços consulares, que vem beneficiando tanto cidadãos brasileiros quanto estrangeiros.

O e-visa custa apenas $44 (mais uma taxa de serviço de $4.24) e será válido por até 2 anos. Com o e-visa, o visitante pode permanecer no Brasil por 90 dias a cada vez que entrar no país, com um limite de 180 dias por ano.

 

Os cidadãos dos EUA ainda podem solicitar o tradicional visto de 10 anos ou outros tipos de vistos também devem ser feitas através da rede consular brasileira.

 

Todo o processo para o e-visa é feito online, o que significa que os solicitantes não precisam ir até o
Consulado brasileiro. É possível solicitar e-visa e obtê-lo remotamente, por meio do site  www.vfsglobal.com/brazil-evisa, por aplicativo para celular ou tablet. O documento será emitido eletronicamente em até cinco dias úteis e o portador poderá imprimir o visto em casa. Os requerentes de e-visa não terão de passar por uma entrevista no Consulado, apenas em alguns casos especiais.

 

Na primeira fase do projeto, o estrangeiro deverá mostrar uma cópia impressa ou imagem digitalizada do visto eletrônico para poder embarcar para o Brasil. No futuro, o e-visa será associado ao número do passaporte do cidadão norte-americano aos bancos de dados de imigração brasileiros. O próximo passo é que o e-visa seja completamente digital.”Se queremos competir por turistas internacionais, temos que acabar com a burocracia e estender um tapete vermelho para que eles escolham nossos destinos, aumentando a economia brasileira e ajudando a criar mais empregos em nosso país”, disse o Ministro do Turismo do Brasil, Marx Beltrão.

 

O Itamaraty iniciou o projeto de e-visto para os cidadãos dos EUA, Austrália, Canadá e Japão. Os Consulados brasileiros nesses quatro países representaram cerca de 65% da demanda mundial de vistos de turista para o Brasil em 2016 e cerca de 60% da demanda de vistos de negócios. Os Estados Unidos são o segundo maior mercado de turistas para o Brasil, atrás da Argentina. Por ano, mais de 570.000 americanos viajam para o Brasil e injetam US $ 710,5 milhões na economia.

 

Os cidadãos de outras nacionalidades ou requerentes de outros tipos de vistos só podem solicitar vistos regulares.

Para obter mais informações, visite   miami.itamaraty.gov.br.

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

vinte − onze =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Receba as novidades BrazilUSA

Faça parte de nossos assinantes e receba todas as novidades da BrazilUSA.

You have Successfully Subscribed!