[layerslider id="15"]

Quem Precisa de um Coach?

Quem Precisa de um Coach?
23 fev 2018

Sabe quando você se sente um tanto perdido na jornada da sua vida? Quando não tem certeza de qual caminho tomar, quando dúvidas e mais dúvidas lhe atormentam. Inseguranças sobre sua profissão, relacionamentos, ou seu corpo. Você até tem as ferramentas ao seu alcance, mas não sabe ao certo como utilizá-las, ou precisa que alguém lhe incentive a utilizá-las da melhor forma.

Coach é o profissional que após conhecer sua personalidade, suas virtudes e falhas, seus desapontamentos e objetivos, traça com você a trajetória ideal e lhe pega pela mão para dar o primeiro passo e seguir adiante. E o trabalho em equipe continua ao longo do percurso, lhe incentivando a continuar e lembrando de celebrar cada pequena vitória. O coach é quem não lhe deixa desistir, é aquela voz que constantemente ecoa exatamente o que você precisa ouvir, quando essas palavras não vêm de você mesmo ou dos que lhe rodeiam.

 

Um amigo pode servir de coach. Talvez seu marido, esposa ou filho; alguém de confiança, que lhe conheça bem o suficiente e consiga agir de forma imparcial para lhe ajudar, anulando os próprios interesses e opiniões, para focar exatamente nas suas necessidades.

 

Se você tem uma boa dose de motivação, pode ser seu próprio coach. Basta traçar seus objetivos, entender o processo que o levará a eles e seguir pacientemente, sem perder o foco. É importante entender que mudanças não acontecem de um dia para o outro. Você pode levar mais tempo do que gostaria, mas é fundamental manter-se focado nas intenções, sem desanimar.

 

Caso você não tenha entre os seus queridos a pessoa ideal para lhe ajudar, e se sozinho não der certo pois lhe falta inspiração para começar ou força de vontade para continuar, o ideal é contar com a ajuda de um profissional que lhe forneça sessões de coaching.

 

Um fator interessante sobre contratar um coach é que nos comprometemos mais com atividades pagas. Nossa motivação a participar de compromissos pagos tende a ser muito maior do que com compromissos gratuitos. Pense naquela aula de yoga gratuita no fim de semana: você acorda e pensa “vou para a yoga ou viro para o lado e volto a dormir?”; enquanto com a aula particular que você está pagando, você nem considera faltar, porque não quer desperdiçar seu investimento. Mesma situação com um show ao ar livre, aberto ao público: se a previsão do tempo está apontando chuva, você nem vai; já quando você compra ingressos, vai de capa chuva, mas não perde o show! Conseguiu se identificar? É da natureza do ser humano – apreciamos mais as atividades vinculadas a um investimento e desvalorizamos as que não
estão associadas a um valor monetário. Então não é que sua amiga ou marido não lhe dão a atenção necessária ou não conseguem lhe ajudar, mas tendo um contrato envolvido e um profissional preparado se dedicando inteiramente às suas necessidades, além de lhe transmitir segurança, as suas chances de se comprometer às adaptações sugeridas são definitivamente maiores.

 

E afinal o que é o serviço de coaching? Segundo o dicionário virtual Wikipedia: “é uma forma de desenvolvimento na qual uma pessoa chamada de coach dá suporte a um aprendiz ou cliente em atingir um objetivo pessoal ou profissional especifico, oferecendo treinamento e orientação. O aprendiz é também chamado de coachee (…)”.

Atualmente, com o serviço de coaching em alta, e ter seu próprio “coach” ter virado moda, as especializações e capacidades específicas são muitas, o que beneficia a demanda tremendamente. Coach de vida, de relacionamentos, de profissão, de fitness, de saúde e de bem-estar. São muitos os segmentos, e quanto mais direcionado às suas necessidades, melhor! O importante é buscar auxílio sempre que precisar, afinal todos nós estamos suscetíveis a momentos de inseguranças e incertezas. Seja para mudar de profissão, melhorar o relacionamento do casal, perder peso de forma saudável ou melhorar a qualidade de vida – compreensão e ajuda são sempre úteis.

 

Então, respondendo à pergunta acima, “quem precisa de um coach?” – Eu! Honestamente, até coaches precisam de um coach às vezes. Dependendo da situação, fazemos um auto-coaching, contamos com a ajuda do marido ouvinte, ou contratamos um colega profissional. Dificuldades acontecem, mas contando com um bom sistema de apoio, sempre haverá como resolver problemas pessoais da maneira mais fácil e saudável possível.

 

Deixo aqui a dica de que conversar sobre os problemas é sempre uma boa opção em vez de buscar soluções drásticas como divórcio, demissão, medicamentos para ansiedade ou cirurgias para emagrecimento. Compartilhe seus sentimentos; não guarde suas angústias para si mesmo. Converse a respeito do que lhe perturba e busque ajuda, objetivando encontrar satisfação em todos os aspectos da sua vida.

 

Desejando a você abundância de autoconhecimento para tomar decisões sábias para o seu bem-estar.

Colunista: Sabrina Powell

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

13 − 9 =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Receba as novidades BrazilUSA

Faça parte de nossos assinantes e receba todas as novidades da BrazilUSA.

You have Successfully Subscribed!