[layerslider id="15"]

PROTETOR SOLAR : Saiba como usar corretamente

PROTETOR SOLAR  : Saiba como usar corretamente
18 maio 2018

CAPA BRAZILUSA SUNCOAST 43O verão está chegando, as praias já estão cheias e o sol raiando intensamente. Não esqueça do protetor solar! Seu uso deve ser feito em todas as estações do ano, estando o dia ensolarado, nublado ou chuvoso.
Protetor solar é uma ferramenta inventada para proteger-nos da radiação ultravioleta (UV), proveniente da luz solar. São dois tipos: A (Aging = envelhecimento; UVA), responsável pelo envelhecimento, e B (Burning = queimadura; UVB), responsável por queimaduras solares e fator de risco para o câncer de pele.
É importante saber escolher bons protetores; ao comprar um, opte pelos com proteção UVA + UVB. A maioria dos produtos apresentam Fator de Proteção Solar (FPS) que está associado ao UVB. No entanto, o melhor é optar pelos que também tenham Persistent Pigmentt Darkening (PPD) que protegem contra o UVA.
Em protetores com mais de FPS 30 não há melhoria na proteção, a diferença é o tempo de reaplicação. O FPS 30 deve ser reaplicado a cada 2 horas; FPS 50, 3 horas; FPS 60, 4 horas; FPS 100, a cada 6 horas. Mas lembre-se que se você entrar na piscina ou mar, suar em demasia, tomar banho, ou lavar o rosto ou as mãos, deve reaplicar o protetor em seguida, para que se mantenha a proteção. protetor solar
Existem várias apresentações do produto, como cremes, sprays e até aqueles com cor ou maquiagem associados. As formulações com cor ou em maquiagens apresentam proteção química e física, uma vez que a coloração serve também como barreira à passagem dos raios UV. Uma boa opção para o uso dos protetores em creme para o rosto é aplicá-lo na base, e assim que ele estiver seco passar pó compacto no local.
A quantidade recomendada a ser aplicada é de 3mL para cada uma das seguintes áreas: face (não esquecendo das orelhas), pescoço e braços; e 6mL para cada perna, tronco e costas. Tome cuidado com as formulações em spray que, apesar da praticidade na aplicação, podem deixar áreas sem proteção.
As pessoas de pele negra possuem maior quantidade de melanina, pigmento da pele que age como barreira física aos raios, mas é de extrema importância que elas também usem regularmente foto protetores, já que também podem ser acometidas pelas alterações de pele decorrentes da exposição solar.
Bronzeadores solares tem FPS extremamente baixos e isso implica em uma proteção escassa contra os raios ultravioletas que causam tantos danos, não sendo o seu uso incentivado pelas sociedades de dermatologia.
Vale ressaltar que em horários de maior intensidade de raios UV, entre 10 da manhã e 4 da tarde, deve-se evitar exposições diretas. Além disso, a proteção das crianças é fundamental, uma vez que a exposição excessiva na infância lesa as células da pele o suficiente para repercutir na vida adulta.
Portanto, faça do uso de protetor solar um hábito em sua vida!

Katerin Demozzi

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Receba as novidades BrazilUSA

Faça parte de nossos assinantes e receba todas as novidades da BrazilUSA.

You have Successfully Subscribed!