[layerslider id="15"]

O que é Arte Contemporânea?

Hélio Oiticica: To Organize 
Delirium”, em Nova York 
Foto: Divulgação
06 jul 2018

capa south florida maio junhoA Arte Contemporânea ou Arte Pós-Moderna é uma tendência artística que surgiu na segunda metade do século XX, mais precisamente após a Segunda Guerra Mundial e se prolonga até os dias atuais.
Vários artistas mostraram interesse pelas verdades do inconsciente e pela reconstrução da sociedade. Surgiu a necessidade da produção em massa, variadas linguagens e constante experimentação, propondo expressões artísticas originais a partir de técnicas inovadoras. Iniciava-se a era de mentes mais abertas para o novo que ganhou mais evidência e destaque na década de 60.
A arte contemporânea foi um mix de vários movimentos e estilos, caracterizado pelo avanço da globalização e o desenvolvimento das novas tecnologias e mídias e principalmente pela liberdade de atuação do artista, que não tem mais compromissos com as escolas clássicas.
Nesse sentido, a arte contemporânea prioriza principalmente, a ideia, o conceito, a atitude, acima do objeto artístico final. O objetivo aqui é produzir arte, ao mesmo tempo que se reflete sobre ela.
Por causa desta liberdade cultural, artistas começaram a imprimir em seus trabalhos um tom apelativo de protesto político, e até religioso, mostrando uma inadequação do meio em que se vivia. Eram chamados de artistas conscientes, por romperem com as regras buscando mais originalidade e criatividade. Podiam interpretar e trabalhar nas obras de maneira totalmente espontânea.
Esta corrente artística foi fortemente influenciada pelos fatos sociais que ocorriam naquela época. O Cinema, a Literatura, a Moda e diversos outros movimentos culturais ou artísticos abriram-se a esta arte como um novo meio de expressão.
Nos anos 60 os trabalhos eram influenciados pelos acontecimentos. Um caráter espacial tomou conta dos temas de moda, música e Cinema, por causa da viagem do Homem ao espaço. Nos 70 a arte se expande a vários conceitos como, por exemplo, o Pop Art, inspirada nos ídolos, na Natureza e na celebração desta época, sendo um de seus principais nomes é o do imortal Andy Warhol. A arte de rua, influenciada pelo grafite e pelo movimento hip-hop, e o design geométrico também tem grande destaque na época, consolidando a ideia de arte contemporânea.
Imbuídos dos ideais que alicerçam a arte contemporânea, surgem diversos movimentos ou escolas artísticas vanguardistas, que buscaram romper com a Arte Moderna, ligada ao consumo, para dar lugar à arte contemporânea, relacionada com a comunicação. São elas: Arte Conceitual, Arte Cinética, Arte Povera, Pop Art, Op Art, Expressionismo Abstrato, Minimalismo, Hiper Realismo, Action Painting, Land Art, Street Art, Body Art.
Foi um período de inovação. Os artistas tinham, agora, a liberdade de criação, a liberdade individual com milhares de recursos materiais em mãos. Foi uma época em que a arte foi absolutamente explorada em todos os sentidos.
Mas há algo que define, sobretudo, a arte contemporânea. Ela não é somente sobre o visual, sobre o concreto, ela é principalmente sobre o conceito, a ideia, a consciência e a atitude.

Clara Piquet

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

3 × 5 =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Receba as novidades BrazilUSA

Faça parte de nossos assinantes e receba todas as novidades da BrazilUSA.

You have Successfully Subscribed!