[layerslider id="15"]

Coco ganha Golden Globe – Suncoast

Coco ganha Golden Globe – Suncoast
27 jan 2018

Coco, uma das animações mais emocionantes da Disney ganha Golden Globe.

A 19ª animação da Pixar, Coco (“Viva – A vida é uma festa”, título no Brasil), acaba de ganhar o 2018 Golden Globe na categoria Best Animated Motion Picture.  Na mesma categoria, concorreram Loving Vincent, The Boss Baby, Ferdinand e The Breadwinner. Foi uma grande vitória para a comunidade latina nos Estados Unidos, já que este é o primeiro filme da Pixar a ser centrado em uma festa cultural mexicana.

 

E agora, as expectativas estão grandes para o 90th Academy Awards (Oscar). Até a primeira semana de janeiro deste ano, 27 das 31 organizações americanas de críticos de cinema nomearam Coco o melhor filme de animação do ano. O apoio quase unânime é um forte indicador de que a Coco ganhará o Oscar pela melhor animação, marcando a décima vez em onze anos em que uma animação da Walt Disney Company ganhará o Oscar na categoria. As nomeações para o Oscar serão anunciadas no dia 23 de janeiro. A cerimônia será realizada no dia 4 de março, em Hollywood, e televisionada ao vivo em mais de 225 países e territórios em todo o mundo.

 

Coco conta a história de Miguel (Anthony Gonzalez), um jovem que está proibido de tocar música por sua família. Depois de tentar roubar o violão do músico mexicano Ernesto de la Cruz (Benjamin Bratt), Miguel é transportado para a Land of the Dead (Terra dos Mortos), onde conhece Hector (Gael Garcia Bernal). Juntos, a dupla improvável procura descobrir a verdadeira história da família de Miguel.

 

O longa levou seis anos para ser produzido. Durante este tempo, produtores do filme viajaram para o México para obter um senso autêntico da música e da cultura do país, e entender a tradição do Día de los Muertos (Dia dos Mortos) – celebrado anualmente entre 31 de outubro e 2 de novembro.

 

Tendo como pano de fundo a jornada inesperada do pequeno Miguel a um mundo espiritual, o filme discute questões sobre família e memória. Além disso, o filme utiliza com sabedoria suas canções, escritas por Michael Giacchino, ganhador do Oscar pela trilha de Up em 2009. O destaque fica com as diversas versões da música Remember Me, que se adapta aos momentos da trama e consegue ir do festivo ao dolorosamente tocante sem perder a identidade. E, se após ler este artigo você ficou com vontade correr para o cinema, não se esqueça de levar alguns lenços. Garanto: se você não chorar em pelo menos uma cena, você deve consultar seus sinais vitais.

 

 

 

Volfe Media Group  

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezessete − 13 =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Receba as novidades BrazilUSA

Faça parte de nossos assinantes e receba todas as novidades da BrazilUSA.

You have Successfully Subscribed!